Recent Posts

.
.
.

14 de dez de 2011

Proibido Ouvir Isso, Primeiras Impressões… [Parte 2]

Mc K - Proibido Ouvir Isso (Capa)

Depois de analisar a primeira parte, podemos dar continuidade a análise do álbum de MCK, Proibido Ouvir Isto

8. Na fila do Banco, uma das composições mais complexas do álbum contando várias estórias na mesma música, debatendo-se temas como Racismo, Prostituição, Tráfico… uma música de intervenção mesmo.

9. Circuito Fechado com Dabullz & Agente Supremo: Um dos sons mais “tradicionais” do álbum, RAP puro, com um beat do Level Khronico.

Frase Marcante: Eu sou circuito fechado, sou Underground por isso não fui comprado.

10. O País do Pai Banana, nessa música encontramos extractos da famosa frase do “pai banana”, uma música que chama a atenção desde o início ao fim. Muitas mensagens (in)directas podem ser encontradas ai. Pode ser considerada como uma das músicas chave do álbum…

11. A Bala Dói com Ikonoklasta. Continuando na senda mais directa, aparece o nosso conhecido Brigadeiro Matafrackuz a rimar numa base mais Reggae…

Frase marcante: Sempre nos prometem comida, mas só nós dão porrada.

12. Quarentona Atraente, com voz adicional de Khris MC, uma música sobre os instintos, lutar contra eles ou simplesmente deixar-se levar?

13. Tou Na Fronteira
Já imaginaram como seria um encontro de MCK e várias personalidades do país e do mundo que já não se encontram no mundo dos vivos? Personalidades como: Jonas Savimbi, Nha Lizandra, Cherokke, Guevara e muitos outros. Bom, esse som “mata” a curiosidade.

Frase marcante: Há vida depois da morte

14. Vida No Acesso. Quem tem acompanhado as apresentações do MCK, conhece essa música, onde ele diz: “Jesus Cristo volta já o teu povo está a chorar…”

15. Eu Sou Angola, para finalizar o álbum, há uma música produzida por Flagelo Urbano, bem, o título fala por si.

Mc K Créditos

Conclusão: No dia 18 de Dezembro, teremos um disco de RAP independente, com muita qualidade, trabalhado nos detalhes, desde a capa até as composições. Proibido Ouvir isto é um álbum que definitivamente todos quererão ouvir, alguns para verificar a clara evolução de MCK, desde o lançamento deNutrição espiritual” há 5 anos, outros para confirmar se os rumores da mudança desse MC são verdadeiros. Nós (bloggers e jornalistas que ouviram o álbum) já temos as respostas para as nossas dúvidas, quanto à vocês, terão de esperar até dia 18 de Dezembro. Comprem o álbum e tirem-nas

Comments
0 Comments