Recent Posts

.
.
.

26 de jul de 2011

Entrevista com Prodígio “O Alquimista”

O Alquimista

"Rap é vida, e o Rap pode vir feio porque a verdade é que a vida não põe maquiagem para toda gente"

Nome Completo: Osvaldo Moniz aka Prodígio
Estado Civil: Solteiro
1 Virtude: Sou um bom ouvinte
1 Defeito: Sou muito impaciente

1 Rapper (ou grupo): Nas/Nga
1 Produtor: Just Blaze/Ghetto Ace
1 DJ (De Hip-Hop): Dj Khaled/Samurai

1 B-Boy (ou grupo) Não tenho
1 GraffiWriter: Não tenho

1 - Quem é Prodígio e como surge o Hip-Hop na tua vida?

Fui muito influenciado por "Boss Ac", "Black Company" e rappers Norte Americanos como Nas, Jadakiss e Cassidy. Eu comecei a escrever rimas aos 12 anos de idade e acabei por entrar no mundo do Hip Hop em 2001 fascinado pelo grupo SNK. Eu entrei para "Street Niggaz" como membro dos T.R. Com o fim dos T.R, eu acabei por ser o único membro dos T.R a ficar na SN Gang pela proximidade e laços criados com a Forca Suprema. Ainda muito cedo, comecei a ser chamado de Príncipe da L.S e filho Pródigo (Dai o nome Prodígio), pela capacidade de escrever musicas embora fosse tão novo, e pelo facto de ter uma linhagem de musica similar a de Nga (Rei da Ls).

2 - O que é o Hip Hop pra ti?

Eu podia dizer que para mim Hip Hop é tudo. É a minha família, são os meu niggaz, é o meu filho e tudo aquilo que me afeta ou condiciona de certa forma, mas para ser mais especifico e objectivo, eu direi que Hip Hop é um dos maiores meios de comunicação social. Hip Hop é a voz dos mudos. Hip Hop transparece a realidade realisticamente. O que eu quero dizer é que Hip Hop na sua forma mais "pura" é o reflexo da visão do seu escritor, não precisa de ser embelezado, pode vir feio porque a verdade é que a vida não põe maquiagem para toda gente, para alguns de nós ela não é tão bela assim.

3 - Prodígio é um nome até certo ponto conhecido no cenário Hip-Hop. Em que projectos tens trabalhado para solidificar o teu nome no mercado?

Tirando o Alquimista, tenho o grande colabo com Nga, Poetik e Don Jaga (De Uk a Tuga). Tenho também uma grande colabo com Nga e Dengaz produzido pelo grande produtor S.P (Makongo). Para além disso tenho também algumas participações no "Reis Da L.S" (Nga & Don G), para mim uma das melhores mixtapes que 2011 terá.

4 - Prodígio também conhecido como 5° elemento da FS ou filho do Nga. Sendo a FS um grupo de bastante prestigio, que responsabilidades achas que automaticamente recebes?

Fazendo parte de uma família tão batalhadora e crente naquilo que faz, eu sinto que carrego o peso do mundo nas minhas costas. Eu sinto a responsabilidade, dever e ao mesmo tempo obrigação de dar sempre mais que o meu melhor. Não me refiro apenas musicalmente falando, mas também em termos mais pessoais. A nossa musica somos nós portanto não tem como separar, nesta ordem de ideias eles não esperam apenas que eu seja um bom M.C, eles esperam que eu seja o melhor possível nas minhas actividades pessoas também, e isso é uma exigência mutua tanto da minha parte como da deles.

5 - Para ti qual é o cenário actual do Rap em Português? O que tens ouvido ultimamente para além das tuas cenas e dos teus bros?

Eu sinto que o Rap Luso esta um bocado pobre em termos de trabalhos consistentes. Os últimos trabalhos que ouvi tem receitas similares, o que me faz acreditar que precisamos de mais lideres, porque tudo indica que estão a seguir as mesmas pessoas. Sem contar com os trabalhos da FS e as 30 mil mixtapes do Nga, a algum tempo que não ouço um trabalho novo. O ultimo que ouvi e por acaso gostei, foi o do Kid Mc. No entanto ouço muito material old school.

6 - Se não fosses Mc, achas que levarias jeito para algum outro elemento da cultura Hip-Hop?

Sinceramente, tenho a certeza que não. Quando era mais novo as vezes fingia que era B-Boy, mas tive que deixar de acreditar nisso porque não tinha mesmo jeito para a coisa.

7 - Qual o maior feito que podes apontar na tua ainda curta carreira?

Uma das coisas que que mais me orgulho de ter feito na minha carreira, foi de ter feito a musica "23/06/08” que foi escolhida para ser a musica principal da banda sonora de um documentário sobre Angolanos na Cuba. Não posso adiantar muito sobre o documentário porque ainda não foi lançado, mas posso adiantar que é uma grande produção.

8 - Estas neste momento em Londres a viver e a estudar. Em que te formaste e que actividades tens desenvolvido?

Eu formei-me em Media e Cortes de Imagens. O que eu tenho estado a fazer é criar forma de casar o meu curso com a minha música. Tenho usado toda a influencia que tenho na indústria em que me formei para melhorar a minha promoção em termos de vídeos.

Prodígio

9 - Com que rappers gostarias de trabalhar no futuro?

Para ser sincero neste momento eu podia colaborar com qualquer rapper, não tenho nenhum em mente, mas tenho pretensões de cantar com artistas de outros estilos musicais como por exemplo Sara Tavares ou Maria Gadu. Neste momento para eu colaborar com um rapper que não fase da S.N ou muito chegado a mim, teria que ser alguém que trouxesse algo que eu não tenho para a mesa.

10 – Vivendo na Inglaterra, acredito que deve ser muito difícil aparecer fazendo Rap em português. Que rappers Lusófonos têm mais destaques na Inglaterra?

Sem duvida alguma, mas felizmente temos uma comunidade Palop muito grande, então embora não temos digamos a recepção desejada, temos sempre um certo número de ouvintes, o que acaba sempre por motivar o artista. Para além de mim (risos), temos rappers e grupos como Freestyle Family, Makotas, Txiko e muitos outros que tem vindo a fazer pelo movimento apesar das dificuldades impostas pelo facto de não ser um pais de expressão Portuguesa.

11 - Quais as tuas principais pretensões com o lançamento da mixtape "O Alquimista" e para quando o lançamento oficial da mesma?

O Alquimista é uma primeiro passo de uma grande jornada. O people que me conhece, conhece através de "freestyles", participações e sons soltos que foram saindo ao longo do tempo e o people sempre pediu que eu fizesse um trabalho mais consistente, que mostrasse exactamente o que sou, o people pode esperar de mim, e o Alquimista é exatamente isto. O Alquimista sai em Agosto de 2011, ainda não temos uma data exacta para o lançamento mas será em Agosto definitivamente.

12 - Porque o Alquimista?

A explicação mais exata seria o facto de eu conseguir transformar algo que todos nós temos acesso “Palavras” em algo tão precioso "Ouro" metaforicamente falando.
Desde muito novo, o Nga e o resto da S.N sempre disseram que eu tinha uma capacidade de transformar palavras do dia em frases do outro mundo, e as vezes parecia que eu escrevia num laboratório, então sempre fui visto como um "engenhocas" do Rap. Se repararem na capa, a mixtape é também digamos uma dupla metáfora. Eu encontro-me atrás de grades (barras de prisão) pela maneira que eu sinto que o mercado é dirigido e os artistas são confirmados. Então eu acredito que de certa forma eu estou preso a aquilo que faço. E as barras simbolizam ao mesmo tempo as rimas que eu transformo em ouro (Alquimista).

13 - Quantas faixas e que participações tem na mixtape?

O número de faixas ainda é incerto porque eu tenho 14 faixas finalizadas mas em poucas semanas muita coisa pode ser feita, e na S.N é mesmo assim. Pode acontecer algo hoje que eu queira por no papel e incluir no projecto. O projecto conta com participações de Nga, L.B, Pereira (Angola) e Don Jaga.

14 - Sairá pra venda ou download gratuito?

Sairá pra download gratuito.

15 - Tens em agenda mais algum trabalho teu para este ano?

Sim. Tenho um projecto com a Stereo Hype (Ghetto Ace & Flash) intitulado "Antes Do Prato Principal". E provavelmente mais uma mixtape a solo.

16 - Comentários finais...

Eu gostaria de agradecer a todo o people que me tem vindo a apoiar desde os primeiros passos. As vezes eu sinto que vocês acreditam mas em mim do que eu próprio e por isso eu prometo vós entregar sempre o melhor de mim.

Aguardem pelo Alquimista que vai valer a pena. Pro 2 Da

Comments
0 Comments